natação

A natação sempre esteve vinculada ao Praia desde o seu gênese. A história do Clube é indissociável à modalidade, já que o surgimento da Instituição se deu com um grupo de pessoas que se reunia nas margens do Rio Uberabinha justamente para nadar. Esse foi o início da história do Praia Clube e da modalidade, que ao longo de 81 anos de história, vem evoluindo a cada dia.

O auge da natação do Praia Clube de alto rendimento começou no ano 2000, com a chegada da técnica Rosana Nascentes, que trouxe alguns atletas formados no U.T.C e que se juntaram aos alunos das Escolinhas e iniciaram o processo de formação da Equipe de Competição do Praia Clube. Em 2002, Gino Zardo Degane, da Associação Atlética Botucatuense, chegou ao Clube para completar à época o quadro dos técnicos da natação com a Rosana, que ficou com as equipes Petiz e Infantil. Gino, por sua vez, assumiu a Coordenação e as equipes Juvenil e Sênior. No início desta trajetória, o Praia não figurava entre os 50 melhores do Ranking Nacional de Clubes, como também nunca tinha obtido resultados expressivos em nível de campeonatos nacionais e estaduais.

Após mais de uma década, o Clube chegou ao 3º lugar no ranking de Melhor Equipe do Brasil nas categorias Infantil e Juvenil. Atualmente, o Praia Clube está no seleto grupo dos 10 melhores do País. Durante esses anos vários nadadores defenderam as cores preto-e-amarelo piscinas Brasil afora. Além disso, tivemos vários medalhistas Brasileiros e Sul-americanos. O primeiro feito em nível internacional na categoria absoluta foi o recorde Sul-americano nos 200m Peito em piscina de 25m, conquistado na piscina do Praia Clube pelo atleta Gabriel Fidélis, que também conquistou a primeira medalha em Nível Absoluto Torneio OPEN, depois no Troféu Maria Lenk e José Finkel, bem como o Luiz Cláudio Azarias com a medalha de Bronze no Troféu Maria Lenk. Hoje, o Praia é o segundo melhor clube do Estado na Natação em todas as suas categorias.

Equipe Paralímpica

Atualmente, o Praia Clube investe no esporte Paralímpico brasileiro. A Equipe Paralímpica de Natação, idealizada e comandada pelo técnico Alexandre Vieira, é uma das referências nacionais na modalidade. Hoje, ela conta com doze atletas, que vem acumulando resultados surpreendentes, com relevância nacional e internacional. Pelo segundo ano consecutivo, o Praia se sagrou campeão do Circuito Nacional Paralímpico. Isso garante ao Clube o título de melhor equipe do Brasil, o que mostra os resultados de um trabalho focado, bem planejado e executado.

Da Equipe Praiana, atletas e o técnico Alexandre Vieira são constantemente convocados pelas Seleções Brasileiras Paralímpica Principal e de Jovens. Guilherme Silva, Gabriel Tomelin, Ruan de Souza, Mariana Gesteiro, Letícia Lucas e outros integram o time praiano. Os nadadores do Praia estão sempre conseguindo resultados muito bons.

 

galeria


notícias relacionadas